segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Grávida eu?

  Não,imagine!

Tomei coragem para escrever que já estou de volta à Suécia gelada e ainda bem escura! As férias foram ótimas e já estou com saudades das pessoas especiais que tenho por lá! Apesar de ter ficado pouco mais de um mês em terras brasileiras não deu tempo de encontrar todo mundo que eu queria. É meus caros o tempo passa rápido...

Casamos mais uma vez (estamos ficando especialistas nisso) já é a terceira vez: civil na Suécia, religioso na Suécia e agora o religioso no Brasil e não adianta não dá para decidir em qual dos dois países foi melhor, pois foram marcantes e especiais por diferentes motivos.

Como o dia estava lindo, a cerimônia e a festa deram para ser feitas ao livre,tudo muito simples como na Suécia.


O Johan deixou para cortar o cabelo em Minas por ser bem mais barato e dessa vez se arrependeu, rsrs,cortaram o cabelo dele igual ao de um jesuíta como vocês podem perceber na foto, rsrs.

Viajamos para o Rio de Janeiro, meu maridinho ama o mar e então passamos alguns dias no Rio e outros em Rio das Ostras.O guela de sol ficou até com insolação mesmo usando protetor.

Comi muito mais muito açaí e gente aqui que a primeira vez que experimentou disse que não tinha gostado muito dessa vez ficou tão viciado que faltava lamber o copinho.

Agora vocês devem estar pensando o quê é que o título tem a ver com o post? Pois é gente o negoço é que todo mundo estava perguntando quando é que vai vir um bebezinho, se eu já estava grávida, se eu quero menina ou menino, que eu já estou ficando velha!!! Foi uma pressão grande, não pensem vocês que foi só com um tom de brincadeira não, eu me senti até um pouco mal quando o pessoal olhava com aquela cara de absurdo quando eu dizia que nós só planejamos um herdeiro pra daqui há mais ou menos 5 ou 6 anos! Tanto eu quanto ele estamos há uns bons poucos anos dos 30 e sinceramente pra mim não tem problema nenhum em me tornar mamãe pela primeira vez com uns 30 e poucos anos. Já pesquisei sobre a gravidez de risco em mulheres com idades mais avançadas, o que normalmente acontece a partir dos 35,o que não é uma regra, mas também pesquisei sobre os avanços da ciência nesses casos e foram satisfatórios em muitos casos. Como se já não bastasse ter que casar antes dos 30 nós também temos que ter filhos antes disso também. 

Para nós é importante estarmos mais estabilizados financeiramente,profissionalmente,espiritualmente, psicologicamente e outros mentes antes de trazermos uma grande responsabilidade para o mundo. Não estamos prontos, nem completamos um ano de casados, e imaginem só caso nós não possamos ter filhos? E se nós não quisermos ter filhos? Nós queremos muito, 2 ou no máximo 3 e já escolhemos alguns nomes!!! 

E se acontecer um imprevisto e de repente eu me encontrar grávida essa criança vai ser muito bem vinda mesmo assim, a diferença é que as ordens dos nossos planos ficarão invertidas, mas esperamos oferecer um ambiente muito feliz e tranquilo ainda que não seja da forma sonhada/planejada.


20 comentários:

  1. Parabéns pelo casamento!! Que Deus os abençoe muito. Foi a Rio das Ostras??? que bom...eu morei lá 2 anos....que lugar gostoso e que saudades do mar azul...
    Pena que a nossa realidade aqui neste momento só seja neve e frio...mas estou contando os dias para o verão chegar!!!
    :-)))) xoxoxox

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!

      Eu amei aquele lugar é tão mais tranquilo!

      Eu também tenho que admitir que mesmo gostando de neve e frio não vejo a hora de poder usar menos roupas e nadar nos lagos.

      Excluir
  2. Oi Josy, isso ai, planejamento é necessário quando o assunto eh filhos e vcs sao novos. Aproveite esses antes dos 30 para,como vc disse, encontrar o seu equilibrio emocional, profissional e financeiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São esses os nossos planos! E principalmente pra mim já que estou recomeçando muita coisa aqui na Suécia!

      Beijos

      Excluir
  3. Oh minha mãe faz uma coisa q eu e meu irmão sempre damos risada. Toda vez q alguem liga pra ela, ela fala "nossa estava pensando em vc esses dias" AHAHHAHAHHA. Mas agora é muito verdade, eu estava mesmo pensando em vc esses dias. De como vc total sumiu do mundo virtual, mas ai lembrei q vc tinha ido para o Brasil e eu não sabia quando vc voltaria né. Ai ontem antes de desligar o pc eu entrei no blog e vi q vc tinha acabado de postar e ainda com esse título impactante ehehhehhe. Mas como eu precisava mesmo ir terminar a janta (tipo já era quase meia noite) eu deixei pra vir ler hj. E vc bem foi lá me visitar e deixar recadinho (AHHHHHHH adorei).

    Josyyyyyyyyy meu vc tá maior nível expert em casamentos ehhehehe. Q delicia. Ainda mais pq ai vc conseguiu comemorar com a familia brasuca tb né? Adorei.
    Meu q q as pessoas tem com essa parada de ter filhos né? como se alguem fosse te ajudar a criar e tal ehehhehe. Eu não tenho um pingo de vontade de ter filhos (agora né, nunca se sabe). E me irrita q o povo adora tomar conta disso. Logico q familia gosta de perguntar e tal, mas tem hora q chateia né. Acho q vcs estão certinhos em querer esperar. Ainda mais q vcs são novinhos. Tem mais é que aproveitar, estudar, trabalhar e depois vcs começam a familia de vcs.

    Cabelo jesuita foi demais... ahahhahahhahah

    Ohhhhh vc é mega pequenininha ou o marido é mega alto? ehehehhehhe Pq eu não sou pequena mini (tipo 1,60 acho) mas o namorado aqui tem mais de 1,90 o que me faz ficar mini perto dele tb eehehehe

    BJSSSSSSSS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito bom mesmo poder comemorar com a minha família porque ninguém pôde vir no casório aqui na Suécia.

      Pode ficar feliz você é mais alta que eu! Tenho 1,55 hehe e o viking 1,78 então é uma mistura :)

      Excluir
  4. Oi Josy!
    Aproveita guria... o tempo passa muito rápido. Quando conheci o Joel tinha 26, começamos a namorar e a gente falou dessa coisa toda de expectativa de filhos e tals, eu disse que queria esperar até os 30 e agora, poxa, faço 30 em março e não sei o que pensar! As vezes quero muito ter crianças, as vezes gostaria de mais liberdade e tempo para experimentar muita coisa ainda! Tudo muda muito rápido então acho que tem é que mandar gente chata as favas... ninguém vai estar do seu lado as 3 de manhã quando o bebê estiver gritando - fora o seu marido - então é bom ouvir apenas a opinião dele e de mais ninguém.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu odeio essa pressão dos 30 hehe! Estou com 24 mas parece que pra muita gente eu já estou berando a menopausa!

      Eu não me sinto nem um pouco velha,pelo contrário, me sinto com 15 a todo vapor!

      Beijos

      Excluir
  5. Vcs estão virando profissionais mesmo em casamento.
    Eu fui mãe aos 30 e não me arrependo, primeiro pq já eramos casados há 4 anos, já tinhamos viajado bastante, eu já tinha feito muita coisa antes dos 30 e também por me sentir madura e preparada. Ser mãe cansa, não importa a idade, brasiuleiro que é noiado com essa história de ter filho velho, aqui as mulheres são mães aos 40!

    Beijo e boa sorte na decisão.

    ResponderExcluir
  6. A Suécia e o Brasil em termos de pressão em relação a filhos são exatamente iguais, qdo eu falo que tenho 34 anos e não tenho filhos o povo fica passado, enfim não posso e não quero ter filhos agora e ponto :))Então amiga faça o mesmo pois como a Maria Helena disse quem vai sustentar a acordar as 3 da manhã é vc né rsrs.
    Achei o máximo os dois casamentos e principalmente a sua atitude de sempre respeitar a sua origem deixando sempre a sua família do Brasil a par de tudo.
    Um bjãoo

    ResponderExcluir
  7. primeiro que adorei te achar no face segundo pode se acostumar as perguntas só aumentam com o tempo eu casei com 25 e vou fazer 34 esse ano e nada de filhos e ai que o povo n nos dá paz e ponto mas problema é deles e ponto liga nao :) agora vou ali ver as fotos do casamento rsrsrs bjjos

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pelo casório (novamente)!! ;)
    Se acostume com as perguntas sobre filhos, pois é a "lei da vida" ... ;)

    Beijão

    ResponderExcluir
  9. Aaaai que deliciaaa vcs comeram acai AAAMOOOOOOO
    praaaia , sol ???? oooh tempinho gostoso, que saudade do Rio.
    Bem que voces dois poderiam ter trazido o sol junto com vcs né mocinha? rss
    Ta certa em esperar pra ter os filhos, nao va pela cabeca dos empolgados e precipitados nao rs
    Beijaaaaaao :*

    ResponderExcluir
  10. Parabéns pelo casorio, eu dizia que queria casar no religioso no Brasil mas vou deixando de lado com o tempo.
    Imagina, vcs que ainda nao chegaram aos 30 jah sentem essa pressão, infelizmente ela soh aumenta com o tempo, o jeito é se acostumar. Mas eu acho um saco.
    Até evito de ir ao médico pois sei que eles sempre insistem nessa pergunta, até funcionaria da limpeza da estação onde pego meu trem todos os dias me pergunta... As vezes a vejo de longe e faço de conta que nao vi, pois ela sempre pergunta: anda não estah gravida???

    Meus pais agora pararam, acho que pq eles leel meu blog e viram o quanto essas perguntas me irritam!!!

    ResponderExcluir
  11. Olá Josy, nem sei se vc vai ler meu comentário (o post é antigo) mas vou tentar. Se der, por favor, me responda:

    É um pedido de conselho: Eu por um acaso "conheci" um sueco no facebook. Digo conheci entre aspas porque ELE não me conheceu. Aconteceu desse modo: num belo dia eu estava visitando alguns perfis de curiosidade e cliquei na página do moçoilo em questão, por curiosidade também.
    Não sei exatamente mas no dia seguinte eu visitei o perfil dele de novo. E no outro dia também. Até virar um costume de visitar o fb desse garoto (faz mais de 6 meses). Acabei "gostando" dele - mas não me apaixonando, afinal isso só seria possível com contato. O que aconteceu é que fui me identificando com algumas coisas que ele posta ou compartilha, acabei vendo que é alguém parecido comigo.
    E é um garoto (não uso "homem" pra menores de 30) que adora coisas do Brasil, tira fotos usando a camisa da seleçao, conhece vários músicos brasileiros, tem uma bandeira do brasil no quarto (apesar disso ele nunca veio pra cá).
    Faz um tempo que eu fico na dúvida se tento falar com ele pelo fb mesmo. Pelo que li aqui os suecos são "na deles" e eu acho que ele acharia muito estranho uma desconhecida de outro país que não fala sueco tentando se comunicar com ele, concorda? Vale a pena correr esse risco de "assustar" o garoto?



    (por favor, se der responda que eu vou ficar de olho no blog pra saber se vc respondeu, obgada)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Esses suecos sempre mexendo com os nossos corações!

      Eles são bem na deles mesmo, mas costumam ser educados e atenciosos.

      Eu acho que você deveria escrever uma mensagem. Mas você pode fazer isso sem "assustá-lo".Não precisa dizer que está gostando dele, mas que achou interessante um sueco gostar do Brasil e que vocês poderiam manter contato.

      Talvez vocês comecem a se conhecer melhor, e aí quem sabe do resto né?

      Abraços e boa sorte!

      Excluir
  12. Muito bacana sua historia, q bom que vc está tão feliz, adorei seu blog. Paabens
    Bjoks da Ly
    www.coisasdamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. É Jose, sei bem pelo que está passando. Agora a uma semana de completar mesu 40 anos a pressõ ficou ainda maior. Todos ficam repetindo o quanto estou velha, que a fonte vai secar, que ficarei sozinha no futuro e coisas assim... é realmente deprimente, mas creio que seja muito pior ter um filho sem condicões financeiras ou emocionais para permiti-lo um lar saudável e feliz... :(

    Enfim, viva sua vida, continue planejando como acha que deve ser e ignore as opniões alheias, é o melhor que você faz... Afinal paz de espírito não tem preco!!!

    ResponderExcluir
  14. Oi Jo, eu sei exatamente como é essa cobranca das pessoas. Tambem passei por isso ha alguns anos atras. Parece q as pessoas querem resolver nossa vida. rsrsrs Curta bem seu casamento,seu marido. Vc é ainda muito novinha. Bom fim de semana. Bj

    ResponderExcluir
  15. Josy, tu já casou quantos vezes ?
    linda todas as cerimonias
    felicidade
    beijos

    ResponderExcluir